Bomins (Controlados)

De Wiki Petercast
Ir para navegação Ir para pesquisar

Os bomins formam uma tradição mágica, uma das duas originais (juntamente aos preculgos) e uma das três tradicionais (além de preculgos e espólicos). Suas técnicas envolvem a manipulação de sentimentos, emoções, vontades e desejos.

Origem[editar]

Para ler mais sobre a história da magia, leia o artigo principal.

Os bomins foram a primeira tradição mágica a ser fundada. Surgiu a partir das reuniões de magos durante a Quinta Aurora, organizadas para pensar formas de combater os efeitos das doenças da noite (ou, no mínimo, retardar a morte da humanidade pela doença). A reunião de Dun-u-dengo e suas conclusões tiveram consequências de longo alcance, já que o modelo de ataque mágico à população foi sendo exportado para diversas cidades, alcançando todas as regiões na parte norte de Heelum. Os bomins poderiam ter sido a única tradição mágica, incorporando as incipientes técnicas preculgas ao repertório mágico. Mas uma delegação de magos reconhecidamente bomins, ao chegarem em Imiorina e não terem tempo de explicar muito mais além da premissa básica do que os magos faziam ao norte (já que morreram pelas próprias doenças da noite em pouco tempo), causaram um princípio de organização independente, sem controle por parte deles, nas cidades ao sul.

Habilidades e costumes[editar]

Os bomins dominam técnicas que influenciam os sentimentos, as emoções, os desejos e as vontades das pessoas. Para além disso, em um território conceitual lamacento que se pode incluir em "sentimentos", há ainda a ideia mais imprecisa de "sensações". Derivaram seu nome de "bomo", na-u-min para sentimento.

Símbolo utilizado na antiga "Loja Controlados" para os produtos relacionados aos bomins.

Os bomins podem causar dor, de tipos específicos e em lugares específicos. Podem causar simpatias e antipatias genéricas e sem motivo por alguém, só que ancoradas em emoções dirigidas, como raiva, alegria, contentamento, tristeza, inveja, ciúme, amor, ódio, medo, etc. Podem causar sentimentos não dirigidos também, como raiva ou tristeza sem motivo. A diferença entre eles e os preculgos é que, enquanto os preculgos podem fazer a pessoa refletir sobre o quanto têm motivos para ter ciúmes de alguém (sem garantias de que a pessoa vá de fato sentir esses ciúmes), os bomins podem fazer a pessoa sentir ciúmes, sem que ela entenda por quê. Os bomins, portanto, costumam ser mais efetivos a curto prazo; sem uma forma de providenciar uma justificativa mais abrangente para aquele sentimento, contudo, os sentimentos costumam ser tratados com mais desconfiança e estranheza por quem os sente, o que facilita a resistência. No caso dos preculgos, embora a efetividade a curto prazo seja comprometida, muitas vezes é mais difícil se descobrir enredado por um argumento mágico e escapar às conclusões a que ele leva. Os bomins influenciam também desejos e vontades; podem fazer as pessoas terem de vontade de fazer coisas com seu corpo - sentar, andar, correr, pular - mas também podem fazer nascer vontades e desejos dirigidos, como vontade de ir até um lugar, comer uma determinada coisa, contar alguma coisa para alguém. Os bomins especializam-se em invadir as portas dos castelos alheios - e em lutar com outros magos - manipulando elementos da natureza, como fogo, água, terra e ar. Psicologicamente, é comum tornarem-se vulneráveis aos preculgos uma vez que desconhecem suas técnicas - quanto a eles próprios, já que sabem do que são capazes, costumam vigiar mais seus próprios sentimentos. Esse é um fenômeno conhecido como a paranoia simétrica.

Simbologia[editar]

Para ler mais sobre o significado da magia na série Controlados, inclusive a bomin, leia o artigo principal.

Os bomins fazem referência, fundamentalmente, à publicidade. Buscam fazer uma conexão entre uma ação que se deseja que o outro faça e um sentimento. Foi essa perspectiva, esse tipo de influência sobre as pessoas que inspirou o autor a começar a série Controlados.

Personagens bomins[editar]

🗺 Você está navegando pela Wiki Petercast! Há várias subwikis, e portanto não se confunda: para voltar à página principal do Neborum Online, clique no link do submenu Neborum Online na barra à esquerda!